sábado, 20 de novembro de 2010

Obra Antes que Anoiteça algumas reflexões

Acabei de assistir ao filme Antes que Anoiteça dirigido por Julian Schnabel inspirado no livro de mesmo nome que nos revela a itinerância do escritor cubano Reinaldo Arenas que muito me remeteu a entrevista de Stela Caputo com Evandro Teixeira que nos traz a afetividade pelas causas sociais, interesses coletivos, a luta por um ideal de uma nação.
Estas emocionantes narrativas nos traz a sensibilidade da alma de uma gente que sacrificou a própria vida por acreditar e lutar por um ideal. Que sentimento é esse tão maior que os motivou a sacrificar a própria vida, a viver fugindo de toda a repressão de governos autoritários exilados em países estranhos como refugiados? 
Com as informações fugazes que se sobrepõem umas as outras como o homem contemporâneo interage com essas violências que acontece nas mais diferentes formas? É certo que o poder de denúncia vem transformando nosso cotidiano, mas o que mais precisamos fazer para que haja mobilização popular como nas décadas de 60 e 70?
Nas últimas eleições nos EUA e Brasil os internautas conseguiram mobilizar consciências de forma diferente como na candidatura de Barack Obama e Marina Silva. Num movimento 'silencioso' peculiar da internet tivemos uma outra campanha daquela vinculada na mídia ruidosa da TV. Como usar e aproveitar melhor o potencial dos softwares sociais para o exercício da cidadania?
Vamos conversando... 
Webreferências:  
http://www.youtube.com/watch?v=uAfI02KsHX8
http://redeglobo.globo.com/programacao.html

Envie-me sua mensagem!

Nome

E-mail *

Mensagem *

Site Educação Online

Curso de Filosofia a distância